Então está tudo pronto. Você já acumulou o conhecimento e o traquejo necessário para escolher que tipo de trabalho que gostaria de executar, e pode até mesmo se dar ao luxo de escolher onde – e de que maneira – trabalhar. Se o trabalho remoto é uma possibilidade interessante para você, confira aqui como escolher o melhor caminho.

Antes de começar, estude o tema.

Trabalho remoto é qualquer trabalho em tempo integral, meio período ou baseado em projeto que uma pessoa esteja realizando fora do escritório da empresa.“, diz a Alexandra Cote. Mas você sabe o que isso significa na prática?

  1. Trabalhar fisicamente longe do escritório, não necessariamente em home office;
  2. Trabalhar digitalmente muito próximo dos colegas, no caso de equipes distribuídas;
  3. Se encontrar presencialmente com o time, mesmo que isso signifique viajar uma ou mais vezes no ano.
  4. Adaptar o seu ambiente de trabalho às suas necessidades de foco e produtividade. 
  5. Ter mais tempo para as atividades e interesses pessoais, sem se preocupar com trânsito, por exemplo.

Percebeu quantas vezes falamos em “trabalhar”? O direito de trabalhar remoto está muito associado a performance. Mas os ganhos são importantes – dá para dormir mais, encaixar aquela atividade física que você estava adiando, passar mais tempo com os filhos… vale a pena.

A verdade é que há muitos mitos e conceitos distorcidos sobre trabalho remoto, e é fundamental alinhar as suas expectativas à realidade do mercado de trabalho. O blog da Ubi é cheio de conteúdos sobre o assunto, mas nós recomendamos passar pelo menos por esses dois conteúdos antes de voltar para cá:

Veja também

Conheça as suas opções.

Já se decidiu por trabalhar remotamente? Então se joga! Na sequência, listamos as alternativas disponíveis para profissionais que desejam trabalhar remotamente, com suas vantagens e desvantagens.

  1. Apostar no nomadismo digital
  2. Trabalhar como freelancer ou empreendedor
  3. Trabalhar para uma empresa moderninha
  4. Explorar os sites de vaga
  5. Contar com o apoio de uma agência de emprego especializada

1 Apostar no nomadismo digital

Essa é uma opção para os fãs do Instagram. Há influencers de todos os graus mostrando que vida boa é a de quem trabalha por conta própria e pode viajar 365 dias do ano. Apesar deste estilo de vida ser sedutor, na prática não se confirma.

Primeiro, porque a ideia de “qualquer lugar” não procede para a maioria dos profissionais – ao menos que você consiga ter um elevado grau de autonomia. Afinal, aos nômades digitais é necessário boa conectividade de internet e, claro, fundos para financiar as entressafras entre uma fonte de renda e outra.

2 Trabalhar como freelancer ou empreendedor

Bem mais pé-no-chão, embora menos flexível, é tornar-se MicroEmpreendedor Individual (MEI) e atuar em projetos isolados para outras empresas, na condição de Pessoa Jurídica (PJ). Como vantagem está a possibilidade de trabalhar de casa, em horários alternativos, e tudo de uma maneira bastante regular, com emissão de notas fiscais.

Os contrapontos são velhos conhecidos. Primeiro, o freelancer precisa fazer também a gestão da empresa em si, não podendo dedicar-se apenas às atividades a que se propõe. Isso vai desde as burocracias contábeis até o atendimento ao cliente.

Segundo, faltam garantias trabalhistas, como o limite da jornada de trabalho e a falta de garantias, como o descanso remunerado. Isso significa que você pode acabar trabalhando muitas horas, sem que a remuneração seja proporcional. Freelancers não possuem direito a férias, por exemplo.

Você pode, também, fazer freelas de maneira mais “anônima”, sem uma relação formal com a empresa para qual irá trabalhar. É aí que entram os marketplaces, sites que fazem a ponte entre quem procura e quem oferece tech skills. Alguns dos melhores incluem:

Apesar de parecerem um bom começo para quem quer trabalhar de qualquer lugar, na prática os marketplaces para freelas pagam pouco, e é difícil conhecer alguém que efetivamente ganha dinheiro neste tipo de canal.

3 Trabalhar para uma empresa moderninha

Você conhece a StartUpBase? Ali você conhece as empresas que estão crescendo e inovando, muitas delas de tecnologia. Ali é uma boa referência para buscar potenciais empregadores. 

O bacana é a capacidade de inovação. As empresas são novas e os produtos que elas desenvolvem também. Em contrapartida, os recursos são limitados e em algumas falta organização

4 Explorar os sites de vagas

São muitos os sites que merecem atenção. LinkedIn, Catho, Vagas, Indeed – todos trazem volume. Esses motores de busca trazem muitas oportunidades em aberto, e são uma opção para quem está com pressa ou no começo de carreira. 

Entretanto, com exceção do primeiro, os outros canais normalmente têm vagas para profissionais menos experientes, e pode ser difícil encontrar cargos de maior senioridade. Além disso, são usados por empresas mais tradicionais, que nem sempre adeptas ao trabalho remoto.

5 Contar com o apoio de uma agência de emprego especializada

A Buffer publicou um post maravilhoso sobre trabalho remoto, com os principais conceitos que você precisa diferenciar. Trouxemos de lá algumas vantagens e desvantagens para você entender como uma consultoria / agência especializada em trabalho remoto pode ajudar você:

  1. Colocando você em uma equipe distribuída, com excelentes níveis de comunicação e documentação.
  2. Facilitando o trabalho colaborativo, com todos atuando no mesmo idioma (inglês) e fuso horário.

Contudo, trabalhar por meio de uma agência como essa é como estar na primeira divisão do campeonato. A excelência é uma constante.  É o caso da Ubiminds, inclusive – e muito bem representada pelos valores que movem os Ubiminders:

People First

Gente acima de tudo. Somos especialistas em gente! Compreendemos e levamos a sério a interação humana e o bem-estar – e queremos que todos a nosso redor sintam o mesmo.
Challenge yourself

Desafie-se! Há sempre espaço para melhorias e a melhoria contínua está em nossa essência. Deixe a zona de conforto para trás, abrace o fracasso e, acima de tudo, não tenha medo. Não estamos tentando reinventar a roda… mas em constante busca por novas maneiras de usá-la!Make it happen

Faça acontecer. Esteja pronto para enfrentar os desafios que surgirem. É tudo questão de  atitude e comprometimento. Somos uma empresa despojada, jovem e destemida, e o sentimento de responsabilidade nos leva para a frente.

We're in this together

Estamos juntos nessa. Não é apenas uma expressão – é nisso que acreditamos de verdade. Trabalhamos em equipe, prosperamos em equipe e evoluímos em equipe. Valorizamos diferentes raízes e experiências, desenvolvendo o real sentido de parceria.

Average on awesome

‘Incrível’ como média. Trabalhamos duro para fornecer serviços de alta qualidade e ansiamos a superação de expectativas. Nós gostamos do que fazemos, e pretendemos fazê-lo bem. Toda vez, sempre.

Keep it real

Papo reto. Prometemos honestidade, transparência e abertura, independentemente da situação. Esperamos nada mais em troca. É assim tratamos uns aos outros, e é assim que esperamos ser tratados.

E aí, já escolheu a(s) melhor(es) opções? O que funciona para o seu perfil? Agora é só correr atrás.

Como fazer para conquistar um emprego remoto?

Você pode tentar qualquer uma das alternativas acima, ou combinar várias delas. A Ubiminds é especialista no assunto, e está sempre disponibilizando vagas para profissionais de tecnologia. Se você tem interesse, não deixe de se candidatar! 

É só preencher o formulário abaixo que entraremos em contato assim que uma boa oportunidade surgir.

Weekly Newsletter

Receba nossas publicações semanalmente em seu e-mail.
Não se preocupe, cuidamos bem do seus dados e não compartilhamos a terceiros.