Este guia reúne diversos tipos de estratégias essenciais para se destacar no desenvolvimento front-end – algumas evidentes, outras nem tanto. Desde aprimorar habilidades de resolução de problemas até dominar linguagens principais como React, Vue ou Angular, explorar design UX/UI, enfrentar a compatibilidade entre navegadores e adotar uma abordagem ‘Mobile First’ – este discurso navega por facetas cruciais vitais tanto para desenvolvedores front-end iniciantes quanto para os mais experientes.

Licenças, demissões, trabalho remoto. O mercado de trabalho para engenheiros de software está mudando drasticamente. No entanto, uma coisa permanece certa: sempre haverá um lugar para os candidatos mais fortes. Se você busca se destacar como desenvolvedor front-end, está no caminho certo. Veja como fazer isso.

6 Dicas Essenciais de Como se Destacar como Front-End Developer

#1 Destaque-se como Desenvolvedor Front-end por suas Habilidades de Resolução de Problemas

Primeiro as coisas primeiro: para estar à frente da curva, você precisa pensar fora da caixa. Repinte, reformule, reorganize: faça o que quiser, apenas não seja quadrado. Com isso, queremos dizer que a criatividade é uma habilidade muito importante para descobrir novas maneiras de fazer as coisas. Um solucionador de problemas consegue identificar e desenvolver um plano de ação para resolver esse problema.

Ter uma mente criativa ajuda diretamente na resolução de problemas, o que é imprescindível para a tecnologia, em geral. Durante uma entrevista, você pode demonstrar suas habilidades de resolução de problemas quando perguntarem o que você faria em uma determinada situação, por exemplo.

#2 Arrase nas Bases (HTML/CSS, JavaScript)

Uma coisa muito comum que as pessoas perguntam hoje em dia é “por que preciso aprender o básico disso? Quero fazer algo novo, algo inovador!” Claro, você quer. Mas um componente importante está faltando: se você não conhece o básico, então não sabe de nada. Sim, às vezes pode ser chato ou cansativo, mas você precisa estar ciente de que, para reinventar a roda, primeiro precisa saber como ela funciona – e como fazer uma roda do zero.

Se você não tiver uma boa base, não importa o quão inovador você seja – você não tem nada. Então, não se esqueça delas. Pense nisso como um conjunto de LEGO: um bloco de cada vez. Aqui está uma lista de como começar. Barbara explica:

“É importante lembrar que procuramos candidatos especializados em certas áreas de tecnologia. Mas, na maioria das vezes, o conhecimento prévio do básico é o que vai fazer a diferença no seu trabalho: seja em relação ao que você traz para a mesa em uma situação determinada, ou trabalhando com a equipe no dia a dia.”

#3 Seja um Profissional com React, Vue, Angular e Outros Frameworks

Lembra do conjunto de LEGO? Agora é a hora de realmente começar a construir. Frameworks ajudam no desenvolvimento, fornecendo estrutura e diretrizes básicas. Descubra qual funciona melhor para você. Você pode escolher o seu favorito e aprofundar seus conhecimentos, mas se familiarize com outros. Isso vai direcionar e filtrar suas opções de carreira.

Angular

React

Vue

  • Mais maduro dos três
  • Pacote completo
  • Bom para equipes grandes e TypeScript
  • Leva um tempo para aprender
  • Conceitos de desenvolvimento podem afastar as pessoas
  • Contribuições constantes da comunidade
  • Bom mercado de trabalho, após o Angular
  • Bom para flexibilidade e frameworks JavaScript
  • Novato no bloco, mas forte concorrente
  • Popular entre gigantes chineses
  • Por ser o mais recente, use com cautela
  • Bom para simplicidade

#4 Coloque-se no Lugar do Usuário: UX e UI

Isso pode parecer completamente irrelevante, mas aguente um pouco: pense em um estilista de moda. Eles fazem roupas artísticas como forma de expressar sua energia criativa, mas sempre têm o consumidor em mente, porque, no final do dia, se é um belo traje, mas não é usável, atingiu seu objetivo? (Não). E o mesmo se aplica aqui: assim como um estilista de moda, você está organizando como o aplicativo vai parecer, que é um aspecto-chave do produto final. Certifique-se de que seja amigável para o usuário.

#5 Aprenda Desenvolvimento Cross-Browser

O Desenvolvimento Cross-Browser é importante para um desenvolvedor front-end porque diferentes navegadores possuem diferentes fatias do mercado. O Chrome é um dos mais populares, mas o Firefox, Safari e até o Internet Explorer ainda são usados por muitas pessoas.

O Desenvolvimento Cross-Browser está constantemente evoluindo, e problemas técnicos acontecem cada vez menos. Mas existem alguns elementos-chave de certos sites que não funcionam no navegador A ou navegador B; ou se comportam de maneira diferente, ou simplesmente parecem estranhos. Tudo isso precisa ser levado em consideração. Contanto que seja uma decisão consciente do ponto de vista do desenvolvimento de produtos, deve estar tudo bem.

#6 Mobile-First é seu Mantra

Mobile First cruza um pouco no território do Desenvolvimento Cross-Browser porque mesmo em dispositivos móveis usamos diferentes navegadores. Mas, além disso, os tamanhos de tela variam (muito): no desktop, a maioria das pessoas usa resoluções de 1024×768, 1360×768 ou 1980×1080, mas em seus telefones, é uma fera totalmente diferente – sem incluir tablets. Como os tamanhos de tela móvel não são padronizados, um layout responsivo precisa ser flexível.

As telas geralmente são pequenas, e as tocamos com nossos polegares, então é necessário levar em consideração o tamanho das fontes e botões para garantir que seja legível e utilizável. Em resumo? [Responsividade é fundamental](#).

Já se Destaca como Desenvolvedor Front-end?

Já se destacar como desenvolvedor front-end é um testemunho de sua habilidade na dinâmica esfera tecnológica. Na Ubiminds, somos especializados em contratar engenheiros de software de alta qualidade na América Latina, promovendo o aumento de pessoal e capacitando engenheiros de software próximos. Nosso foco? Reforçar o desempenho da equipe de software e fomentar a colaboração. Junte-se à nossa comunidade para explorar o mundo de equipes distribuídas, talento como serviço e o poder de equipes remotas – aproximando profissionais e oportunidades internacionais para um sucesso incomparável.

Inscreva-se neste link.

Outras Perguntas Frequentes sobre Carreiras em Front-end

Q: Como posso me apresentar como desenvolvedor front-end?

A: Apresentar-se como desenvolvedor front-end envolve destacar sua expertise em HTML, CSS e JavaScript – as linguagens fundamentais para o desenvolvimento web. Além disso, demonstrar proficiência em frameworks populares como React, Vue, ou Angular pode reforçar sua apresentação. Enfatize habilidades de resolução de problemas e um olhar atento para o design de experiência do usuário para se destacar.

Q: Como posso me aprimorar como desenvolvedor front-end?

A: A melhoria contínua é fundamental no desenvolvimento front-end. Comece dominando os fundamentos de HTML, CSS e JavaScript; eles servem como a base do seu conjunto de habilidades. Explore e aprofunde seus conhecimentos em frameworks como React, Vue, ou Angular. Aprofunde-se nos princípios de design UX/UI para criar interfaces amigáveis. Acompanhe as tendências em constante evolução no desenvolvimento cross-browser e priorize a abordagem “Mobile First” para design responsivo.

Q: Como me tornar um desenvolvedor front-end de sucesso?

A: O sucesso como desenvolvedor front-end depende de uma abordagem multifacetada. Cultive habilidades fortes de resolução de problemas, pois são inestimáveis para enfrentar desafios complexos. Domine as linguagens fundamentais e aprimore continuamente seus conhecimentos em frameworks e tecnologias emergentes. Priorize o design centrado no usuário, garantindo experiências contínuas em vários navegadores e dispositivos. Por fim, considere oportunidades de networking e plataformas como a Ubiminds, conectando você a empresas norte-americanas em busca de desenvolvedores talentosos na América Latina para crescimento profissional.

 

Weekly Newsletter

Receba nossas publicações semanalmente em seu e-mail.
Não se preocupe, cuidamos bem do seus dados e não compartilhamos a terceiros.